quarta-feira, janeiro 30, 2008

Nas tuas linhas


É nestas linhas que me perco

Neste pedaço de língua em que mergulho

E me perco

As palavras entram-me pelos olhos

Como que para acalmar o espírito

Como que para me aconchegar

Como que para me fazer ver

É nestas linhas que me perco

Nas linhas do teu Ser

Da tua existência

Nas tuas linhas

Poema e foto: Raiz de Carla Conjunto C.

A quem O meu enleio reconhecidamente agradece.


3 comentários:

Raiz de Carla disse...

Foi um prazer!
Quem agradece sou eu: obrigada pela simpatia =)

Claudia Perotti disse...

Profundo e belo!
Beijinhossssss

Raiz de Carla disse...

Obrigada Claudia!
Fico muito feliz que tenha gostado =D

seguidores